24 de junho de 2013


Sobre vidros de conserva e discussões com a vó


"Se conselho fosse bom,....". Ok, mas eu vou falar igual, especialmente às mulheres: tenham muito cuidado ao criticar alguma mania da tua mãe ou avó. Há uma fortíssima tendência (inconsciente muitas vezes) de que tu reproduza essas mesmas manias depois, na tua casa. Cuidado com as palavras! 

Sempre me irritou a extensa coleção de vidros de conserva que minha avó cultivava. Minha mania (outra?) por organização me fazia pirar ao ver o armário cheio daqueles vidros fedorentos.

- "Pra que tanto vidro, vó? Posso jogar fora?"
- "Não, é pra guardar chimia!"

Haja chimia para tanto vidro, meu Deus. A questão é que hoje, se tu abrir uma portinha lá da minha despensa, o que tu vai encontrar? Uma pequena coleção de vidros de conserva! Pequena, pois a neura da organização me limitou a um número pequeno. É que tem tanta coisa linda que se pode fazer com aqueles vidrinhos! Sem falar na questão da reutilização de materiais. Tem os vintage, tem os minis, tem as garrafinhas de leite de coco! Olha só:







E tem mais um milhão de ideias maravilhosas para reutilizar os vidros. Vou mostrar outras por aqui. Preciso me controlar... Ah, e antes de ir embora: desculpa, vó. Desculpa, mãe!

0 comentários: